imagem top

2019

ANUÁRIO DO HOSPITAL
DONA ESTEFÂNIA

CHULC LOGOlogo HDElogo anuario

TICS DISORDER AND GILLES DE LA TOURETTE SYNDROME

Paulo Rego Sousa1, Rita Silva2.

1 - Serviço de Pediatria, Hospital Funchal;
2 - Serviço de Neurologia Pediátrica, Hospital Dona Estefânia, Centro Hospitalar Lisboa Central, E.P.E.

- Reunião Departamento de Pediatria Médica, Hospital Dona Estefânia, 9 Out 2012.

A perturbação de tiques, incluindo a síndrome de Gilles de la Tourette, tem tipicamente início na idade pediátrica, com um pico de incidência entre os 5-7 anos de idade e é mais frequente no sexo masculino.
Apesar de ser uma situação que é mais frequentemente observada em regime de consulta, é muitas vezes um motivo de chamada para avaliação neurológica em contexto de urgência quando os tiques são mais exuberantes ou atípicos. A etiologia da perturbação de tiques pode ser primária (tiques agudos transitórios, os crónicos simples ou complexos e a síndrome de Gilles de la Tourette), secundária (infecções estreptocócicas, encefalite, tóxico-metabólicas, perturbações do desenvolvimento, doenças psiquiátricas, doenças neurológicas ou pós-traumáticos) ou iatrogénica.
Nos doentes com perturbação de tiques primária, esta na sua maioria associa-se a comorbilidade psicopatológica, como a hiperactividade e défice da atenção, seguida pela perturbação obsessiva-compulsiva e a de oposição - desafio.
Nesse contexto apresentamos uma revisão teórica da perturbação de tiques, dando enfase a alertas clínicos que sugerem uma causa secundária e alguns casos clínicos com vídeo, de diferentes tipos de tiques.

Keywords: Tics, attention deficit and hyperactivity.