imagem top

2018

ANUÁRIO DO HOSPITAL DONA ESTEFÂNIA
REPOSITÓRIO MÉDICO CIENTÍFICO

logo chlclogo HDElogo anuario

HIPERTENSÃO ARTERIAL NA INFÂNCIA - A PALAVRA AO RIM

Raquel Santos

Unidade Nefrologia Pediátrica
Área da Mulher, da Criança e do Adolescente - CHLC, EPE

- 18º Congresso Nacional de Pediatria
- Centro de Congressos Alfândega do Porto, Porto (Oradora)

A prevalência crescente de hipertensão arterial (HTA) em idade pediátrica tornou-a num grave problema de saúde pública, em grande parte associado à obesidade e ao estilo de vida.
No âmbito de uma Mesa Redonda subordinada ao tema da Prevenção em Nefrologia, foram revistos os sinais precoces de lesão renal pela HTA e as estratégias protocoladas de rastreio, prevenção e tratamento.
Os recentes consensos europeus recomendam a avaliação da tensão arterial (TA) por rotina na infância, a partir dos 3 anos, como forma de detectar precocemente anomalias da TA e motivar intervenções, que podem reduzir a morbilidade e mortalidade cardiovasculares, sobretudo na vida adulta.

Palavras Chave: Hipertensão, infância, lesão de órgão-alvo, atitudes na tensão arterial elevada, recomendações para o tratamento, crise hipertensiva