imagem top

2019

ANUÁRIO DO HOSPITAL
DONA ESTEFÂNIA

CHULC LOGOlogo HDElogo anuario

PAROTIDITE – PROTOCOLO DE ACTUAÇÃO TERAPÊUTICA

Sónia Gomes1, Andreia Silva2, Cristina Henriques3, Helena Rodrigues2, Maria João Brito2

1 - Pediatria Médica, H. Dona Estefânia, CHLC- EPE Lisboa, Portugal;
2 - Serviço de Maxilo-facial, H. S. José, CHLC- EPELisboa, Portugal,
3 - Unidade de Reumatologia, H. Dona Estefânia, CHLC- EPE Lisboa, Portugal;
4 - Unidade de Infecciologia, H. Dona Estefânia, CHLC- EPE Lisboa,Portugal

Apresentado em reunião de serviço em Dezembro de 2016

RESUMO:
Parotidite descreve um processo que cursa com inflamação da glândula parotídea não se podendo falar de uma entidade clínica isolada mas sim de diferentes patologias. Neste protocolo são abordadas as formas de parotidite mais comuns em idade pediátrica propondo-se uma abordagem escalonada de investigação e respectiva terapêutica. As orientações baseiam-se na anamnese e exame objectivo que permitem classificar o quadro em localizado agudo ou crónico ou sistémico. Com base nesta classificação é orientada a investigação que pode basear-se apenas na vigilância clinica ou envolver estudos microbiológicos, de auto-imunidade e imagiológicos. Após o diagnóstico etiológico são propostas medidas terapêuticas dirigidas e, no caso da parotidite epidémica, as medidas de saúde pública associadas.